Archive

Archive for the ‘Corinthians’ Category

Campeonato Brasileiro 2016 – 4° rodada – Sport (PE) x Corinthians – Ficha técnica do jogo

28 de maio de 2016 Deixe um comentário

Domingo, no desejum, dás 11h (11am) o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela 5.583° vez em sua história, desta vez para enfrentar o Sport Club do Recife equipe da cidade de Recife (PE) em jogo válido pela 4° rodada do Campeonato Brasileiro de 2016 a ser realizado no Estádio da Ilha do Retiro em Recife

O Corinthians em 105 anos de história:
Foram 5.582° jogos* com 2.918 vitórias; 1.383 empates; 1.265 derrotas; 10.621 gols pró; 6.419 gols contra. Saldo: +4.202 gols.
*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2016
Foram 31 jogos, 18 vitórias, 8 empates, 5 derrotas, 54 gols pró, 22 gols contra

Na história do Campeonato Brasileiro (inclusive Torneio Roberto Gomes Pedrosa):
Foram 1.295 jogos; 559 vitórias; 380 empates; 356 derrotas; 1.737 gols pró; 1.369 gols contra.
No Robertão (1967-1970): 72 jogos; 37 vitórias; 17 empates; 18 derrotas; 106 gols pró; 76 gols contra.
Como visitante no Robertão (1967-1970): Foram 40 jogos, sendo 18 vitórias, 7 empates 15 derrotas, 52 gols pró, 49 gols contra
No Brasileirão (1971-2016): Foram 1.215 jogos, sendo 521 vitórias; 363 empates; 338 derrotas; 1.627 gols pró; 1.289 gols contra.
Como visitante no Brasileiro (1971 – 2016): foram 617 jogos sendo 205 vitórias, 194 empates, 218 derrotas, 699 gols pró e 726 gols contra

Jogando no Recife (PE)
Foram 52 jogos, com 16 vitórias, 14 empates e 22 derrotas, 62 gols pró e 66 gols Contra
Jogando na Ilha do Retiro (PE)
Foram 29 jogos, com 10 vitórias, 8 empates e 11 derrotas, 38 gols pró e 35 sofridos

Sob o comando de Tite:
O professor Adenor Leonardo Bacchi,”o popular Tite”: 102 jogos, com 65 vitórias, 22 empates, 15 derrotas, 176 gols pró, 73 gols contra.
Nas duas passagens pelo Corinthians foram 272 jogos, com 131 vitórias, 86 empates, 55 derrotas.
No total o professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite” comandou a equipe por 374 jogos, 193 vitórias, 111 empates, 70 derrotas.

Retrospecto Corinthians x Sport (PE)

Retrospecto geral: 36 jogos, 13 vitórias, 9 empates, 14 derrotas, 49 gols pró, 50gols contra.
Campeonato Brasileiro: 31 jogos, 11 vitórias, 8 empates, 12 derrotas, 39 gols pró, 41 gols contra.
Contra o Sport na Ilha do Retiro
20 Jogos com 5 vitórias, 5 empates e 10 derrotas, 21 gols pró e 30 gols sofridos
O ultimo confronto ocorreu dia 29 de novembro de 2015 e o time do povo perdeu por 2×0 jogando na Arena Pernambuco.
Veja abaixo como foi a partida

Para este jogo, teremos a arbitragem de Wagner Reway – MT (ASP-FIFA) (Campeonato Brasileiro 2015 – 1° rodada – Cruzeiro (MG) 0x1 Corinthians (quarto árbitro), 30° rodada – Corinthians 3×0 Goiás (GO) (árbitro)    Brasileiro 2014 – 3° rodada – Chapecoense (SC) 0x1 Corinthians (árbitro), 10° rodada – Corinthians 2×1 Internacional (RS) (árbitro), 30° rodada – Corinthians 2×1 Vitória (BA) (árbitro assistente adicional1)”    Copa do Brasil 2013 – Luverdense (MT) 1×0 Corinthians (quarto árbitro), Corinthians 0x0 Grêmio (RS) (quarto árbitro), Brasileiro 2013 – Corinthians 0x1 Atlético (MG) (árbitro assistente adicional2), Corinthians 1×0 Fluminense (RJ) (árbitro assistente adicional1)    Brasileiro 2012 – Corinthians 1×1 Figueirense (SC) (árbitro assistente adicional2), Corinthians 2×1 Náutico (PE) (árbitro)    Brasileiro 2011 – Corinthians 2×1 Atlético (MG) (arbitro)) sendo auxiliado por Guilherme Dias Camilo – MG (FIFA) (Campeonato Brasileiro 2016 – 1° rodada – Corinthians 0x0 Grêmio (RS) (bandeira2)    Copa Libertadores 2015 – 2° fase – Grupo 2 – 1° rodada – Corinthians 2×0 São Paulo (bandeira2), Campeonato Brasileiro 2015 – 6° rodada – Joinville (SC) 0x1 Corinthians (bandeira1),  12° rodada – Corinthians 2×0 Atlético (PR) (bandeira2), 16° rodada – Corinthians 3×0 Vasco (RJ) (bandeira1), 17° rodada – São Paulo 1×1 Corinthians (bandeira1), 34° rodada – Corinthians 2×1 Coritiba (PR) (bandeira1)    Brasileiro 2014 – 24° rodada – Figueirense (SC) 1×0 Corinthians (bandeira1), 36° rodada – Corinthians 1×0 Grêmio (RS) (bandeira2)    Brasileiro 2013 – Atlético (PR) 1×1 Corinthians (bandeira1), Corinthians x Vitória (bandeira1), Vasco (RJ) 1×1 Corinthians (bandeira1), Corinthians 1×2 Goiás (GO) (bandeira1)    Brasileiro 2012 – Corinthians 1×1 Figueirense (SC) (bandeira1), Corinthians 1×1 Bahia (BA) (bandeira2)    Brasileiro 2011 – Corinthians 2×1 Coritiba   (bandeira1), Corinthians 1×0 Internacional (bandeira2), América (MG) 2×1 Corinthians (quinto árbitro)) e Fabio Rodrigo Rubinho – MT (ASP-FIFA) (Brasileiro 2015 – 30° rodada – Corinthians 3×0 Goiás (GO) (bandeira2)    Brasileiro 2014 – 3° rodada – Chapecoense (SC) 0x1 Corinthians (bandeira1), 30° rodada – Corinthians 2×1 Vitória (BA) (bandeira2)). O delegado será Sebastiao Rufino Ribeiro Filho – PE (CBF-2) (Brasileiro 2014 – 7° rodada – Sport (PE) 1×4 Corinthians (quarto árbitro)        Brasileiro 2012 – Sport (PE) 1×1 Corinthians (quarto árbitro), Náutico (PE) 2×1 Corinthians (quarto árbitro))

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuiram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil, 6 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS, estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians,  atual campeão brasileiro e está em 6° lugar no campeonato, vem de vitória como mandante contra a Ponte Preta por 3×0 em jogo válido pela 3° rodada do Campeonato Brasileiro de 2016, tem 4 pontos em 3 jogos sendo uma vitória (uma como mandante – 3×0 Ponte Preta), um empate (um como mandante – 0x0 Grêmio (RS)) e uma derrota (uma como visitante – Vitória (BA) 3×2) marcou 5 gols e sofreu 3 gols com saldo positivo de 2 gols e com aproveitamento de 33% no campeonato  deverá entrar em campo com a seguinte formação: Walter, Fagner, Felipe, Yago e Guilherme Arana; Bruno Henrique; Giovanni Augusto, Maycon, Rodriguinho e Lucca; André e com ele, o grande, o mítico, o intrépido, senhor educado, imponente, paquiderme, gênio, fantástico, incrível, estupendo, magnânimo, insuperável, inestimável, inteligentíssimo, inigualável, gênio da prancheta eletrônica, o estrategista, o nosso professor Adenor Leonardo Bachi o popular Tite (@adenor_tite) no banco de suplentes

Sport Club do Recife, clube fundado dia 13 de maio de 1905, por Guilherme de Aquino Fonseca que retornou ao Brasil depois de um tempo estudando na Inglaterra e decidiu fundar o clube, que segundo eles é o maior clube do Norte-Nordeste do Brasil, está localizado na cidade de Recife (PE), teve como primeiro presidente o Sr. Elysio Alberto Silveira, atualmente é presidido pelo Senhor Gustavo Dubeux, tem como simbolo um leão, manda seus jogos no Estádio Adelmar da Costa Carvalho, mais conhecido como Ilha do Retiro,

Estádio Adelmar da Costa Carvalho - Ilha do Retiro

Estádio este inaugurado em 04 de julho de 1937 em amistoso com o Santa Cruz (PE) com vitória do Sport por 6×5, com o primeiro gol marcado por Artur Danzi, teve como maior publico a final do Campeonato Pernambucano de 1998 entre Sport 2×0 Porto com 56.875 pessoas presentes, atualmente cabem 35 mil pessoas e tem como dimensões 105×78, vem de derrota como visitante contra o Internacional (RS) por 1×0 em jogo válido pela 3° rodada do Campeonato Brasileiro, está em 17° lugar no campeonato com 1 ponto em 3 jogos sendo 1 empate, duas derrotas, marcou 1 gol e sofreu 3 gols com saldo negativo de 2 gols e aproveitamento de 11% no campeonato, é treinado por Oswaldo de Oliveira que deverá mandar a campo a seguinte formação: Magrão, Samuel Xavier, Oswaldo Henriquez, Durval, Renê, Ritchely, Luiz Antonio, Gabriel Xavier, Lenis, Diego Souza, Tulio de Melo

Campeonato Brasileiro 2016 – 2° rodada – Vitória (BA) x Corinthians – Ficha técnica do jogo

22 de maio de 2016 Deixe um comentário

Domingo, dia 22 de maio de 2016 ás 16h (04pm) o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela 5.581° vez em sua história desta vez para enfrentar o Esporte Clube Vitória equipe da cidade de Salvador em jogo válido pela 2° rodada do Campeonato Brasileiro a ser realizado no Estádio Manoel Barradas – Barradão.

O Corinthians em 105 anos de história:
Foram 5.580 jogos* com 2.917 vitórias; 1.383 empates; 1.264 derrotas; 10.616 gols pró; 6.416 gols contra. Saldo: +4.200 gols.
*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2016
Foram 29 jogos, 17 vitórias, 8 empates, 4 derrotas, 49 gols pró, 19 gols contra

Na história do Campeonato Brasileiro (inclusive Torneio Roberto Gomes Pedrosa):
Foram 1.293 jogos; 558 vitórias; 380 empates; 355 derrotas; 1.732 gols pró; 1.366 gols contra.
No Robertão (1967-1970): 72 jogos; 37 vitórias; 17 empates; 18 derrotas; 106 gols pró; 76 gols contra.
Como visitante no Robertão (1967-1970): Foram 40 jogos, sendo 18 vitórias, 7 empates 15 derrotas, 52 gols pró, 49 gols contra
No Brasileirão (1971-2016): Foram 1.213 jogos, sendo 520 vitórias; 363 empates; 337 derrotas; 1.622 gols pró; 1.286 gols contra.
Como visitante no Brasileiro (1971 – 2015): foram 616 jogos sendo 205 vitórias, 194 empates, 217 derrotas, 697 gols pró e 723 gols contra

Jogando em Salvador (BA)
Foram 72 jogos, com 32 vitórias, 18 empates e 22 derrotas, 108 gols pró e 84 sofridos

Sob o comando de Tite:
O professor Adenor Leonardo Bacchi,”o popular Tite”: 100 jogos, com 64 vitórias, 22 empates, 14 derrotas, 170 gols pró, 70 gols contra.
Nas duas passagens pelo Corinthians foram 272 jogos, com 131 vitórias, 86 empates, 55 derrotas.
No total o professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite” comandou a equipe por 372 jogos, 192 vitórias, 110 empates, 70 derrotas.

Retrospecto Corinthians x Vitória (BA)

Contra o Vitória (BA) em Salvador
Foram 19 jogos com 6 vitorias, 8 empates e 5 derrotas, 27 gols pró e 24 sofridos

Contra o Vitória (BA) no Estádio Manoel Barradas
Foram 11 jogos com 3 vitórias, 5 empates e 3 derrotas, 11 gosls pró e 14 sofridos

Retrospecto geral: 37 jogos, 21 vitórias, 11 empates, 5 derrotas, 69 gols pró, 37 gols contra.
Pelo Campeonato Brasileiro: 31 jogos, 19 vitórias, 9 empates, 3 derrotas, 61 gols pró, 27 gols contra.
O último confronto ocorreu pela 30° rodada do Campeonato Brasileiro de 2014 e o time do povo venceu por 2×1 jogando em Cuiabá (MT).
Veja abaixo como foi a partida

Para este jogo teremos a arbitragem de Heber Roberto Lopes – SC (FIFA) (Campeonato Brasileiro 2015 – 3° rodada – Fluminense (RJ) 0x0 Corinthians (árbitro), 11° rodada – Goiás (GO) 0x0 Corinthians (árbitro), 33° rodada – Atlético (MG) 0x3 Corinthians (arbitro)    Brasileiro 2014 – 1° rodada – Atlético (MG) 0x0 Corinthians (árbitro), 11° rodada – Vitória (BA) 0x0 Corinthians (árbitro), 17° rodada – Grêmio (RS) 2×1 Corinthians (árbitro)    Brasileiro 2013 – Vasco (RJ) 1×1 Corinthians (árbitro), Botafogo (RJ) 1×0 Corinthians (árbitro)    Brasileiro 2012 – Corinthians 1×3 Botafogo (RJ) (árbitro), Náutico (PE) 2×1 Corinthians (árbitro)    Brasileiro 2011 – Flamengo (RJ) 1×1 Corinthians (arbitro)) sendo auxiliado por Kleber Lucio Gil – SC (FIFA) (Brasileiro 2015 – 11° rodada – Goiás (GO) 0x0 Corinthians (bandeira1), 24° rodada – Corinthians 1×1 Grêmio (RS) (bandeira2), 33° rodada – Atlético (MG) 0x3 Corinthians (bandeira1), 37° rodada – Sport (PE) x Corinthians (bandeira1)    Brasileiro 2014 – 11° rodada – Vitória (BA) 0x0 Corinthians (bandeira1), 17° rodada – Grêmio (RS) 2×1 Corinthians (bandeira1), 27° rodada – Cruzeiro (MG) 0x1 Corinthians (bandeira2), 29° rodada – Internacional (RS) 1×2 Corinthians (bandeira1), Copa do Brasil 2014 – 5° fase – Quartas de Final (volta) – Atlético (MG) 4×1 Corinthians (bandeira2)    Recopa 2013 – Jogo de Ida – São Paulo 1×2 Corinthians (bandeira2), Brasileiro 2013 – Corinthians 1×0 Coritiba (PR) (bandeira1), Grêmio (RS) 1×0 Corinthians (bandeira1), Copa do Brasil 2013 – Quartas de Final (IDA) – Corinthians 0x0 Grêmio (RS) (bandeira2)    Brasileiro 2012 – Corinthians 2×0 Cruzeiro (MG) (bandeira2), Fluminense (RJ) 1×1 Corinthians (bandeira2), Cruzeiro (MG) 2×0 Corinthians (bandeira1)    Brasileiro 2011 – Fluminense (RJ) 1×0 Corinthians (bandeira1), Corinthians 3×0 Atlético (GO) (bandeira 1)) e Bruno Boschilia – PR (FIFA) (Copa do Brasil 2015 – Oitavas de Final (volta) – Corinthians 1×2 Santos (bandeira1), 37° rodada – Sport (PE) 2×0 Corinthians (bandeira2)   (Brasileiro 2013 – Corinthians 2×0 Vitória (BA) (bandeira2), Corinthians 1×0 Criciúma (SC) (bandeira1), Corinthians 0x0 Internacional (RS) (bandeira1), Copa do Brasil 2013 – Oitavas de Final (VOLTA) – Corinthians 2×0 Luverdense (MT) (bandeira1), ”    Brasileiro 2012 – Grêmio (RS) 2×0 Corinthians (bandeira1), Corinthians 1×3 Botafogo (RJ) (bandeira2), Figueirense (SC) 1×0 Corinthians (bandeira1), Náutico (PE) 2×1 Corinthians (bandeira2)    Brasileiro 2011 – Corinthians 1×0 Bahia (BA) (bandeira1)). O quarto árbitro será José Ricardo Vasconcellos Laranjeira – AL (CBF-2)

No jogo jogo entre Corinthians 0x0 Grêmio (RS)  pela primeira partida da Copa do Brasil, anulou um gol legitimo do Guerrero

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuiram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil, 6 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS, estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians, é o atual campeão brasileiro e vem de empate jogando como mandante contra o Grêmio (RS) por 0x0 em jogo válido pela 1° rodada do Campeonato Brasileiro de 2016, tem 1 ponto em 1 jogo sendo um empate (um como mandante – 0x0 Grêmio (RS)) com aproveitamento de 50% no campeonato  deverá entrar em campo com a seguinte formação: Walter, Fagner, Felipe, Yago e Guilherme Arana; Bruno Henrique; Giovanni Augusto, Maycon, Rodriguinho e Lucca; André e com ele, o grande, o mítico, o intrépido, senhor educado, imponente, paquiderme, gênio, fantástico, incrível, estupendo, magnânimo, insuperável, inestimável, inteligentíssimo, inigualável, gênio da prancheta eletrônica, o estrategista, o nosso professor Adenor Leonardo Bachi o popular Tite (@adenor_tite) no banco de suplentes

Esporte Clube Vitória, equipe fundada em 1899, no dia 13 de maio em uma noite chuvosa pelos irmão Valente, Arthur e Arthêmio, que reuniram um grupo de amigos da sociedade baiana, no casarão da família, que ficava localizado no Corredor da Victória onde hoje tem o Edificio Casablanca. Neste encontro de amigos, Adolfo Irineu dos Santos, Alberto Teixeira, Antônio Almeida, Antônio Guimarães, Augusto Francisco Lacerda, Carlos Carvalho, Carlos Teixeira, Herbert Filgueiras, Joaquim Costa Pinto, Joaquim Chaves, Jorge Wilcox, Juvenal Teixeira, Leobino Cavalcante, Octavio Rabelo, Pedro Almeida, Quintino Ferreira, Arthur Valente, Arthêmio Valente (primeiro presidente, eleito por aclamação) e Fernando Kock (que veio assumir a presidência 18 dias depois), como quase todo mundo residia no bairro da Vitória no centro de Salvador, optaram em por o nome de Victória pela forte influência  da língua inglesa que havia na época. Em 1901, Zuza, trouxe o futebol e reuniu os amigos que jogavam críquete para jogar futebol. Fizeram oficialmente seu primeiro jogo em 13 de setembro de 1902, onde venceu o São Paulo Bahia Football Club por 2×0, na inauguração do Campo dos Mártires – atual Campo da Pólvora, tem como presidente o Sr. Alexi Portela, tem como apelidos “leão da barra, rubro negro, nêgo, leão,, manda seus jogos no Estádio Manoel Barradas

Manoel Barradas

Estádio este fundado em 11 de novembro de 1986, no jogo entre Vitória 1×1 Santos, tem capacidade para 55.000 mil pessoas, possui grama natural de 105×70, pertence ao Esporte Clube Vitória, vem de derrota como visitante para o Santa Cruz (PE) em jogo válido pela 1° rodada do Campeonato Brasileiro de 2016, está em 19°° lugar no campeonato com nenhum ponto em 1 jogo sendo 1 derrota, marcou 1 gols e sofreu 4 gols com saldo negativo de 3 gols e aproveitamento de 35,6% no campeonato é treinado por Wagner Mancini que deverá mandar a campo a seguinte formação: Fernando Miguel, Norbeto, Victor Ramos, Ramon, Diego Renan, Marcelo, Amaral, Tiago Real, David, Flávio, Kieza

Copa Libertadores da América 2016 – 3° fase – 8° rodada – Oitavas de Final – Volta – Corinthians 2×2 Nacional (URU) – Show de Horrores na Arena

5 de maio de 2016 Deixe um comentário

Mais uma vez fomos eliminados em um mata mata, desta vez, jogando pela libertadores.

Ao contrário da eliminação do ano passado, esse ano perdemos até tentando algo, ano passado, perdemos pela vagabundagem mesmo, porém este ano perdemos porque o time não tem brio, vontade e raça.

Ontem, a única coisa que prestou foram os sinalizadores acendidos por parte da torcida e que mostrou, que infelizmente nossa torcida morreu, hoje temos arenetes, torcedores de libertadores que poucos e lixam para a festa nas arquibancadas, que apenas querem ir tirar fotos e pagar pau no facebook.

Ontem, o time começou até mostrando vontade, tentando fazer algo, porém, o time dormiu, nisso que dormiu tomamos o primeiro gol, depois conseguimos empatar, porque André, o inútil, conseguiu falhar no lance do gol e ai sobrou a bola para o Cone 30 e empatamos a partida

O time que já não tinha brio, vontade, passou a ter menos ainda no segundo tempo, começou a cair na pilha dos uruguaios e o resultado foi que tomamos o segundo gol.

Nessa conta, coloca-se na do Giovanni Augusto.

Ele perdeu a bola e caiu de maduro, Fágner que ontem foi o Cone 23, conseguiu ainda roubar a bola,  o Cone 17 ao invés de fazer algo recebeu a bola e ficou pensando na morte da bezerra, foi querer meter o migué, resultado tomamos o gol

Cássio pode ter espalmado errado ,mas o segundo gol não da para aceitar

Então, fomos para cima, desordenadamente e conseguimos um pênalti ganho na experiência, vem então o Cone 09, o rei da Cachaça.

Vai bater a penalidade, ele correu, o goleiro não saiu, o que ele fez, bateu onde não poderia bater, perdemos a penalidade. No penúltimo lance do jogo, ainda o juiz deu outra penalidade no grito e conseguimos empatar a partida

Depois disso, Romero, perdeu um gol, que não é novidade alguma

Não tem o que falar.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 X 2 NACIONAL-URU

Competição: Libertadores
Data: 04/05/2016
Local: Arena Corinthians (SP)
Árbitro: Néstor Pitana (ARG)
Gols: Lucca (14’/1ºT) e Marquinhos Gabriel (48’/2ºT), para o Corinthians; Nico López (5’/1ºT) e Santiago Romero (11’/2ºT), para o Nacional-URU
Cartões amarelos: Bruno Henrique e Felipe, para o Corinthians; Kevin Ramírez, Santiago Romero e Tabó, para o Nacional
Cartão vermelho: Fágner (Corinthians)

Corinthians: Cássio; Fagner, Felipe, Yago, Uendel; Bruno Henrique (Danilo), Giovanni Augusto (Marquinhos Gabriel), Elias, Rodriguinho, Lucca (Romero); André. Técnico: Tite

Nacional-URU: Conde; Fucile, Victorino, Polenta, Espino; Porras, Romero, Barcia, Ramírez; Nico López e Seba Fernández (Felipe Carballo). Técnico Gustavo Munúa.

Copa Libertadores da América 2016 – 3° fase – 8° rodada – Oitavas de Final – Volta – Corinthians x Nacional (URU) – Ficha técnica do jogo

4 de maio de 2016 Deixe um comentário

Quarta feira, dia 04 de maio de 2016 no estupendo, sensacional, maravilhoso, incrível, genial, mitológico,supimpa, excelente, inacreditável,inigualável, épico, ótimo, divino horário das 21h45 (09h45) o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela  5.579° desta vez para enfrentar o Club Nacional de Football equipe da cidade de Montevidéu em jogo válido em jogo de ida pela 8° rodada – oitavas de final – em jogo de volta a ser realizado na Arena Corinthians

O Corinthians em 105 anos de história:
Foram 5.578 jogos* com 2.917 vitórias; 1.381 empates; 1.264 derrotas; 10.614 gols pró; 6.414 gols contra. Saldo: +4.200 gols.
*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2016
Foram 27 jogos, 17 vitórias, 6 empates, 4 derrotas, 47 gols pró, 17 gols contra

Na Arena Corinthians
Em 2016
Foram 13 jogos, 12 vitórias, 1 empate, 30 gols pró, 4 gols contra

Na história da Arena Corinthians
Foram 66 jogos, 50 vitórias, 12 empates, 4 derrotas, 139 gols pró, 39 gols contra
Foram 8 jogos pela Copa Libertadores da América com 6 vitórias, 1 empate, 1 derrota, com 18 gols pró, 1 gol contra
Até hoje 2.173.814 pessoas foram até a Arena Corinthians com uma arrecadação bruta de R$ 132.347.522,73 e liquida de R$ 65.062.478,38*
*Número prejudicado pelo fato da Diretoria do Corinthians recusar-se a fornecer a renda liquida de jogos da Copa Libertadores da América e do amistoso realizado contra o Corinthian-Casuals (ENG) – Atualizado com o valor da renda liquida dos jogos da libertadores de 2016

O Corinthians na Libertadores:
Foram 111 jogos, 59 vitórias, 25 empates, 27 derrotas, 192 gols pró, 109 gols contra.

Sob o comando de Tite:
O professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite“: 98 jogos, com 64 vitórias, 20 empates, 14 derrotas, 168 gols pró, 68 gols contra.
Nas duas passagens pelo Corinthians foram 272 jogos, com 131 vitórias, 86 empates, 55 derrotas.
No total o professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite” comandou a equipe por 370 jogos, 192 vitórias, 108 empates, 70 derrotas.

Retrospecto Corinthians x Nacional
Foram 9 jogos com 1 vitória, 6 empates e 2 derrotas, 7 gols pró  e 9 gols contra
O último confronto ocorreu dia 27 de abril de 2016 e o time do povo empatou em 0x0 jogando no Uruguai.
Veja abaixo como foi a partida

Para este jogo teremos a arbitragem de Nestor Pitana (ARG) (Copa Libertadores 2016 – 2° fase – Grupo 8 – 5° rodada – Independiente Santa Fé (COL) 1×1 Corinthians (árbitro)            Copa Libertadores 2013 – Corinthians 2×0 Millonários (árbitro)) sendo auxiliado por Diego Bonfa  (ARG) (Copa Libertadores 2013 – Corinthians 2×0 Millonários (COL) (bandeira2)) e Cristian Navarro (ARG) (Copa Libertadores 2016 – 2° fase – Grupo 8 – 2° rodada – Corinthians 1×0 Independiente Santa Fé (COL) (bandeira2), 5° rodada – Independiente Santa Fé (COL) 1×1 Corinthians (bandeira1)). O quarto árbitro será Juan I. Baliño (ARG) e o delegado será Ednilson Corona (Copa Libertadores 2016 – 2° fase – Grupo 8 – 4° rodada – Corinthians 2×0 Cerro Porteño (PAR) (delegado)    Campeonato Brasileiro 2015 – 4° rodada – Corinthians 0x2 Palmeiras (delegado), 17° rodada – São Paulo 1×1 Corinthians (delegado), 20° rodada – Corinthians 3×0 Cruzeiro (MG) (delegado),  23° rodada – Palmeiras 3×3 Corinthians (delegado), 27° rodada – Corinthians 2×0 Santos (delegado), Copa Libertadores 2015 – 2° fase – Grupo 2 – 1° rodada – Corinthians 2×0 São Paulo (delegado), 3° fase – 8° rodada – Oitavas de Final (volta) – Corinthians 0x1 Guarani (PAR)    Brasileiro 2014 – 4° rodada – São Paulo 1×1 Corinthians (delegado)    Copa Libertadores 2013 – Corinthians 3×0 San Jose (BOL) (assessor), Recopa 2013 – Jogo de Ida – São Paulo 1×2 Corinthians (assessor), Brasileiro 2013 – Corinthians 1×1 Botafogo (RJ) (assessor), Corinthians 1×1 Santos (assessor)    Libertadores 2012 – (Quartas de Final – Volta) – Corinthians 1×0 Vasco (RJ) (assessor), Semi-Final – Santos 0x1 Corinthians (assessor), Brasileiro 2012 – Corinthians x Vasco (RJ) (delegado especial)    Brasileiro 2011 – Palmeiras 2×1 Corinthians (delegado especial))

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuiram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil,  6 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do Mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS,

Arena Corinthians

estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians, vem de empate como visitante contra o Nacional (URU) em jogo válido pela 7° rodada da 3° fase – oitavas de final – jogo de ida – da Copa Libertadores da América, fez 7 jogos sendo 4 vitórias (três como mandante – 6×0 Cobresal (CHI), 2×0 Cerro Porteño (PAR), 1×0 Santa Fé (COL) – uma como visitante – Cobresal (CHI) 0x1) 2 empates (dois como visitante – Nacional (URU) 0x0, Independiente Santa Fé (COL) 1×1) e 1 derrota (uma como visitante – Cerro Porteño 3×1) marcou 12 gols e sofreu 4 gols com saldo de 8 gols, deverá ir a campo com Cássio, Fagner, Felipe, Yago e Guilherme Arana; Bruno Henrique; Giovanni Augusto, Maycon, Rodriguinho e Lucca; André e com ele, o grande, o mítico, o intrépido, senhor educado, imponente, paquiderme, gênio, fantástico, incrível, estupendo, magnânimo, insuperável, inestimável, inteligentíssimo, inigualável, gênio da prancheta eletrônica, o estrategista, o nosso professor Adenor Leonardo Bachi o popular Tite (@adenor_tite) no banco de suplentes

Club Nacional de Football equipe fundada dia 14 de maio de 1899 após reunião na casa de Ernesto Capriano, os universitários que torciam para os Clubes Uruguay Athletic Club e Montevideo Football Club, fundaram o time, que teve inspiração e cores inspiradas na bandeira de José Artigas, teve como primeiro estádio o Punta de Las Carretas e em 1900 recebeu o Estádio Grand Parque Central, ganhou três copas libertadores, três torneios intercontinentais, uma recopa sul americana e 45 campeonatos uruguaios, tem como alcunhas “bolsos, bolsilludos, decano, albos, tricolores e Rey de Copas” é presidido por José Luis Rodrigues e manda seus jogos no Estádio Grande Parque Central estádio este inaugurado em 25 de maio de 1900, tem capacidade para 30 mil pessoas, e gramado com 105×70, tem como proprietário, administrador e mandante o Club Nacional de Football, vem de empate como mandante contra o Corinthians por 0x0 em jogo válido pela 7° rodada da 3° fase – oitavas de final – jogo de ida – da Copa Libertadores da América fez 7 jogos sendo 2 vitórias, 4 empates e 1 derrota, marcou 6 gols e sofreu 6 gols com aproveitamento de 50% no campeonato, é treinado por Gustavo Manús que deverá mandar a campo a seguinte formação: Luis Mejia, Gorga, Cabaco, Polenta, Espino, Felipe Carballo, Eguren, Barcia, González, Ramires e Léo Gamalho

Copa Libertadores da América 2016 – 3° fase – 7° rodada – Oitavas de Final – IDA – Nacional (URU) 0x0 Corinthians – Show de horrores em Montevidéu

28 de abril de 2016 Comentários desligados

Vamos falar o que do show de horrores em Montevidéu (URU) contra um time medíocre que se jogar o Campeonato Paulista perde do Capivariano.

Fomos lá com o propósito de empatar e assim foi.
Empatamos em 0x0, em um jogo ridículo, que se tivéssemos jogado só 6 minutos de bola, teríamos ganho a partida

Um show de horrores

Bruno Henrique acertou um chute na lua e foi só.

Ridículo.

A nossa sorte é que o próximo jogo, será em casa e vamos passar o trator em cima do Nacional que é horrível.

FICHA TÉCNICA

NACIONAL 0 x 0 CORINTHIANS

Data: 27 de abril de 2016, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Local: Gran Parque Central, em Montevidéu (Uruguai)
Árbitro: Patrício Loustau (Argentina)
Assistentes: Eduardo Cardozo e Roberto Cañete (PAR)
Cartões amarelos: Polenta, Sebastián Fernández, Elias, Felipe

NACIONAL: Conde; Fucile, Victorino, Polenta e Espino; Barcia e Romero; Porras, Ramírez e Sebastián Fernández; Nico López. Treinador: Gustavo Munúa
CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique; Alan Mineiro (Marlone), Elias, Rodriguinho e Lucca; André. Treinador: Tite

Copa Libertadores da América 2016 – 3° fase – 7° rodada – Oitavas de Final – IDA – Nacional (URU) x Corinthians – Ficha técnica do jogo

27 de abril de 2016 Comentários desligados

Quarta feira, dia 27 de abril de 2016 no estupendo, sensacional, maravilhoso, incrivel, genial, mitológico,supimpa, excelente, inacreditável,inigualável, épico, ótimo, divino horário das 21h45 (09h45) o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela  5.578° desta vez para enfrentar o Club Nacional de Football equipe da cidade de Montevidéu em jogo válido em jogo de ida pela 7° rodada – oitavas de final – em jogo de ida a ser realizado no Estádio Gran Parque Central em Montevidéu – Uruguai

O Corinthians em 105 anos de história:
Foram 5.577 jogos* com 2.917 vitórias; 1.380 empates; 1.264 derrotas; 10.614 gols pró; 6.414 gols contra. Saldo: +4.200 gols.
*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2016
Foram 26 jogos, 17 vitórias, 5 empates, 4 derrotas, 47 gols pró, 17 gols contra

O Corinthians na Libertadores:
Foram 110 jogos, 59 vitórias, 24 empates, 27 derrotas, 192 gols pró, 109 gols contra.

Jogando no Uruguai
Foram 17 jogos, sendo 6 vitórias, 6 empates e 5 derrotas com 28 gols pró, 20 gols contra

Jogando em Montevidéu
Foram 17 jogos, sendo 6 vitórias, 6 empates e 5 derrotas com 28 gols pró, 20 gols contra

No Parque Central
Foi 1 jogo, 1 vitória, com 2 gols pró

Sob o comando de Tite:
O professor Adenor Leonardo Bacchi,”o popular Tite”: 97 jogos, com 64 vitórias, 19 empates, 14 derrotas, 168 gols pró, 68 gols contra.
Nas duas passagens pelo Corinthians foram 272 jogos, com 131 vitórias, 86 empates, 55 derrotas.
No total o professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite” comandou a equipe por 369 jogos, 192 vitórias, 107 empates, 70 derrotas.

Retrospecto Corinthians x Nacional
Foram 8 jogos com 1 vitória, 5 empates e 2 derrotas, 7 gols pró  e 9 gols contra
O último confronto ocorreu dia 13 de setembro de 2000 em jogo válido pela Copa Mercosul e o time do povo empatou em 1×1 jogando no Estádio Centenário.
Infelizmente não achei vídeos daquela partida.

Para este jogo teremos a arbitragem de Patricio Loustau  (ARG) (Copa Libertadores 2016 – 2° fase – Grupo 8 – 4° rodada – Corinthians 2×0 Cerro Porteño (PAR) (árbitro)    Libertadores 2015 – 1° fase – Jogo de Ida – Corinthians 4×0 Once Caldas (COL) (árbitro)        Copa Libertadores 2013 – Oitavas de Final (IDA) – Boca Juniors (ARG) 1×0 Corinthians (assessor)    Copa Libertadores 2012 – Nacional (PAR) 1×3 Corinthians (árbitro)) sendo auxiliado por Gustavo Rossi (ARG) (Libertadores 2015 – 1° fase – Jogo de Ida – Corinthians 4×0 Once Caldas (COL) (bandeira1)) e Ariel Scime (ARG). O quarto árbitro será Silvio Trucco (ARG) (Copa Libertadores 2016 – 2° fase – Grupo 8 – 2° rodada – Corinthians 1×0 Independiente Santa Fé (COL) (quarto árbitro)) e o delegado será Martin Vasquez (URU) (Copa Libertadores 2012 – Corinthians 1×0 Cruz Azul (MEX) (arbitro))

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuiram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil,  6 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do Mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS, estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians, vem de vitória como mandante contra o Cobresal (CHI) em jogo válido pela 6° rodada da 2° fase do Grupo 8 da Copa Libertadores da América, terminou o Grupo 8 com 13 pontos em 6 jogos sendo 4 vitórias (três como mandante – 6×0 Cobresal (CHI), 2×0 Cerro Porteño (PAR), 1×0 Santa Fé (COL) – uma como visitante – Cobresal (CHI) 0x1) 1 empate (um como visitante – Independiente Santa Fé (COL) 1×1) e 1 derrota (uma como visitante – Cerro Porteño 3×1) marcou 12 gols e sofreu 4 gols com saldo de 8 gols, deverá ir a campo com Cássio, Fagner, Felipe, Yago e Guilherme Arana; Bruno Henrique; Giovanni Augusto, Maycon, Rodriguinho e Lucca; André e com ele, o grande, o mítico, o intrépido, senhor educado, imponente, paquiderme, gênio, fantástico, incrível, estupendo, magnânimo, insuperável, inestimável, inteligentíssimo, inigualável, gênio da prancheta eletrônica, o estrategista, o nosso professor Adenor Leonardo Bachi o popular Tite (@adenor_tite) no banco de suplentes

Club Nacional de Football equipe fundada dia 14 de maio de 1899 após reunião na casa de Ernesto Capriano, os universitários que torciam para os Clubes Uruguay Athletic Club e Montevideo Football Club, fundaram o time, que teve inspiração e cores inspiradas na bandeira de José Artigas, teve como primeiro estádio o Punta de Las Carretas e em 1900 recebeu o Estádio Grand Parque Central, ganhou três copas libertadores, três torneios intercontinentais, uma recopa sul americana e 45 campeonatos uruguaios, tem como alcunhas “bolsos, bolsilludos, decano, albos, tricolores e Rey de Copas” é presidido por José Luis Rodrigues e manda seus jogos no Estádio Grande Parque Central

Estadio_Gran_Parque_Central_v2

Estádio este inaugurado em 25 de maio de 1900, tem capacidade para 30 mil pessoas, e gramado com 105×70, tem como proprietário, administrador e mandante o Club Nacional de Football, vem de derrota como mandante contra o Rosário Central (ARG) por 0x2 em jogo válido pela 6° rodada do Grupo 2 da Copa Libertadores da América, marcou 9 pontos em 6 jogos sendo 2 vitórias, 3 empates e 1 derrota, marcou 6 gols e sofreu 6 gols com aproveitamento de 50% no campeonato, é treinado por Gustavo Manús que deverá mandar a campo a seguinte formação: Luis Mejia, Gorga, Cabaco, Polenta, Espino, Felipe Carballo, Eguren, Barcia, González, Ramires e Léo Gamalho

Copa Libertadores da América 2016 – 2° fase – Grupo 8 – 6° rodada – Corinthians 6×0 Cobresal (CHI)

21 de abril de 2016 Comentários desligados

Assim como em 2012, alguém tomou seis na cabeça.

É, tem certas coincidências que agradam.

O jogo foi bom, não demos chance a um adversário que já é fraco por natureza, ficou mais fraco ainda ao vir ao Brasil menos 6 titulares ai não demos chance alguma a ninguém

As oitavas vai ser moleza, problema será as quartas.

CORINTHIANS 6 x 0 COBRESAL-CHI
Data: 20/04/2016 (quarta-feira)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo
Árbitro: Carlos Orbe (Equador)
Auxiliares: Edwin Bravo e Flavio Nall
Renda: R$ 2.635.754,50
Público pagante: 41710
Cartões amarelos:  Jonathan Benítez
Gols: Marlone, aos 9min, Romero, aos 12min, Marlone, aos 39min, Guilherme Arana, aos 44min do primeiro tempo, Elias, aos 29min, Romero, aos 31min do segundo tempo
CORINTHIANS
Cássio; Edílson, Vílson, Balbuena e Guilherme Arana; Willians (Elias); Romero, Rodriguinho (Cristian), Maycon e Marlone (Alan Mineiro); Luciano.
Treinador: Tite
COBRESAL
Sebastián Cuerdo; Diego Cerón, Juan Contreras, Pablo González e Flavio Rojas; Rodrigo Ureña, Alejandro López, Jonathan Benítez (Johan Fuentes), Victor Sarabia (Jose Luís Cabión) e Israel Poblete (Patrício Jerez); Lino Maldonado.
Treinador: Dalcio Giovagnoli