Archive

Archive for the ‘Corinthians’ Category

Campeonato Paulista 2016 – Grupo D – 2° rodada – Grêmio Osasco Audax x Corinthians – Ficha tecnica do jogo

4 de fevereiro de 2016 Deixe um comentário

Quinta feira, dia 04 de fevereiro de 2016 ás 19h30 (07h30pm) o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela  5.556° vez em sua história, desta vez para enfrentar o Grêmio Osasco Audax equipe da cidade de Osasco em jogo válido pela 2° rodada do Grupo D do Campeonato Paulista de 2015 a ser realizado no Estádio Municipal Prefeito José Liberatti

O Corinthians em 105 anos de história:
Foram 5.555 jogos* com 2.902 vitórias; 1.376 empates; 1.261 derrotas; 10.571 gols pró; 6.400 gols contra. Saldo: +4.171 gols.
532° diferentes equipes enfrentaram o Corinthians
*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2016
Foram 4 jogos, 2 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 4 gols pró, 3 gols contra
Na história do Campeonato Paulista:
Foram 2.488 jogos; com 1.404 vitórias; 612 empates; 474 derrotas; 5.098 gols pró; 2.717 gols contra.

Sob o comando de Tite:
O professor Adenor Leonardo Bacchi,”o popular Tite”: 72 jogos, com 45 vitórias, 15 empates, 12 derrotas, 123 gols pró, 54 gols contra.
Nas duas passagens pelo Corinthians foram 272 jogos, com 131 vitórias, 86 empates, 55 derrotas.
No total o professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite” comandou a equipe por 338 jogos, 171 vitórias, 99 empates, 68 derrotas.

Retrospecto: Corinthians x Grêmio Osasco/Audax
1 jogo, 1 vitória, 2 gols pró
Esse jogo foi o jogo realizado pelo Troféu Bradesco, em 15 de setembro de 2011 no Complexo Esportivo Cidade de Deus.
Os gols foram de Taubaté e Douglas Silva
Infelizmente não temos imagens da partida

Para este jogo teremos a arbitragem de Thiago Duarte Peixoto (Copa São Paulo 2016 – 6° fase – 8° rodada – Semifinal – Corinthians 2×1 Cruzeiro (MG) (árbitro)    Paulista 2015 – 13° rodada – Bragantino 0x1Corinthians (árbitro), 17° rodada – Corinthians 2(5)x2(6) Palmeiras (árbitro), Brasileiro 2015 – 10° rodada – Corinthians 2×0 Ponte Preta (árbitro), 20° rodada – Corinthians 3×0 Cruzeiro (MG)  (quinto árbitro), 27° rodada – Corinthians 2×0 Santos (quarto árbitro)    Brasileiro 2014 – 28° rodada – Corinthians 1×1 Botafogo (RJ) (quarto árbitro), 10° rodada – Corinthians 2×1 Internacional (RS) (quarto árbitro), 15° rodada – Corinthians 1×1 Bahia (BA) (quarto árbitro), 31° rodada – Palmeiras 1×1 Corinthians  (árbitro assistente adicional1), 38° rodada – Corinthians 2×1 Criciuma (SC) (quarto árbitro)    Paulista 2013 – Final (ida) – Corinthians 2×1 Santos (quarto árbitro), Brasileiro 2013 – Corinthians 0x0 Portuguesa (arbitro assistente adicional2), Corinthians 1×0 Coritiba (PR) (quarto árbitro), Ponte Preta 2×0 Corinthians (quarto árbitro), Corinthians 1×1 Santos (quarto árbitro)    Copa São Paulo – Quarta de Final – América (MG) 0x2 Corinthians (arbitro), Brasileiro 2012 – Corinthians 1×1 Ponte Preta (árbitro assistente adicional1), Corinthians 3×2 Flamengo (RJ) (quarto árbitro), São Paulo 3×1 Corinthians (árbitro assistente adicional2)) sendo auxiliado por Herman Brumel Vani (Brasileiro 2014 – 1° rodada – Atlético (MG) 0x0 Corinthians (árbitro)    Brasileiro 2013 – Corinthians 1×0 Ponte Preta (bandeira1)    Paulista 2012 – Santos 1×0 Corinthians (bandeira1), Brasileiro 2012 – Corinthians 1×2 São Paulo (bandeira1)    Brasileiro 2011 – Flamengo (RJ) 1×1 Corinthians (arbitro), Corinthians 2×1 Atlético (PR) (quarto árbitro)) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (Campeonato Paulista 2015 – 2° rodada – Linense 0x2 Corinthians  (bandeira1), 10° rodada – Corinthians 0x0 Red Bull (bandeira1)    Paulista 2014 – 6° rodada – Corinthians 0x2 Bragantino (bandeira2)    Paulista 2013 – Corinthians 2×1 Mogi Mirim (bandeira1)        Paulista 2011 – Corinthians 2 X 0 Mogi Mirim (band2)). O quarto árbitro será Roberto Pinelli (Paulista 2014 – 2° rodada – Corinthians 1×0 Paulista (quarto árbitro)    Paulista 2013 – Corinthians 3×0 União Barbarense (quarto árbitro))

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuiram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil, 5 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS, estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians, vem de vitória contra o XV de Piracicaba em jogo válido pela 1° rodada do Campeonato Paulista é lider do Grupo D com 1 vitória (uma como mandante – 1×0 XV de Piracicaba), marcou 1 gol e tem Romero como seu artilheiro com 1 gol, tem aproveitamento de 100% no campeonato, deverá entrar em campo com a seguinte formação: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Romero, Elias, Rodriguinho e Lucca; Danilo. e com ele, o grande, o mítico, o intrépido, senhor educado, imponente, paquiderme, gênio, fantástico, incrível, estupendo, magnânimo, insuperável, inestimável, inteligentíssimo, inigualável, gênio da prancheta eletrônica, o estrategista, o nosso professor Adenor Leonardo Bachi o popular Tite (@adenor_tite) no banco de suplentes

Contar a história do Grêmio Osasco Audax é um pouco complicada. Ele começou como PAEC – Pão de Açucar Esporte Clube – que foi fundado em 1985 como projeto social do Grupo Pão de Açúcar e começou o futebol em 2003 com categorias de base, depois disso, fez uma parceria com o Juventus da Rua Javari e com os bons resultados, se inscreveu na Federação Paulista de Futebol  para jogar a quarta divisão do Campeonato Paulista. Após isso começou a ir bem, porém, o Grêmio Osasco comprou a equipe do Grupo Pão de Açucar e pouco tempo depois, comprou o Audax passando a se chamar Grêmio Osasco Audax, resumindo, é mais uma equipe de empresários que não tem torcida e provavelmente só vai encher o saco por um tempo e desaparecer como tantos outros, tem como presidente, Vampeta e tem o apelido de, “vermelhinhos, audax sao paulo, audaxcioso, lobinhos vermelhos, goa e garoto audacioso“, tem seu estádio o CT Parque Real, estádio esse com capacidade para 900 pessoas, mas manda seus jogos no estádio José Liberatti – Rochdalão

Estádio Municipal Prefeito José Liberatti
Estádio este fundado em 16 de dezembro de 1996, possui grama natural de 105×68 e capacidade para 12.430 pessoas, tem como proprietário e administrador a Prefeitura Municipal de Osasco e mandantes as equipes do Grêmio Osasco Audax, Osasco FC e ECO, vem de vitória como visitante contra o Mogi Mirim em jogo válido pela 1° rodada do campeonato paulista de 2016, é líder do Grupo C com 3 pontos em 1 jogo com 1 vitória, marcou 2 gols e sofreu 1 gol contra com aproveitamento de 100% no campeonato, é treinado por Fernando Diniz que deverá mandar á campo a seguinte formação: Felipe Alves, Francis, André Castro, Bruno Silva, Léo Bahia, Tchê Tchê, Camacho, Rodrigo Andrade, Mice, Ytalo e Bruno Paulo

A vida após o fim da Copa São Paulo de Futebol Junior de 2016

26 de janeiro de 2016 Deixe um comentário

No último dia 25 de janeiro, findou-se a 47° Copa São Paulo de Futebol Junior, no qual o time do povo chegou até a grande final.

Durante o torneio,  perdemos o título de maneira invicta, podíamos ter ganho e a molecada aprendeu uma lição.

Andei lendo por ai, jornalistas descendo o porrete em jogadores, mas não podemos bater em garotos com 16, 17, 18 anos.
Tem que conversar e orientar o mesmo.

Eu tive a sorte de conseguir ir em todos os jogos do torneio e tive o privilégio de narrar alguns jogos pela Rádio Coringão.

Vamos por partes, a começar pelo time titular.

Felipe, goleiro do Coringão, nasceu em 1998, tem 18 anos e um bom potencial.
Sempre que foi exigido, correspondeu e jogou bem

Léo Principe, tem cara de bem mais velho, porém nasceu em 1996, fez sua última Copa São Paulo.
Ele no lugar do Edilson no principal, seria útil.

Del’Amore, tem 19 anos, marca bem, é meio lento, assim  como seu colega Léo Santos.

Guilherme, lateral esquerdo, bom jogador, precisa ser lapidado, acertar alguns cruzamentos, marca bem.

Uariam. Aparenta ser bom jogador, quando era Ameixa, deveria jogar muito mais bola.

Dawhan. Bom volante, fez sua última Copa São Paulo, jogou improvisado ao lado do Del’Amore na final da Copa SP

Maycon, 19 anos, bom volante, deveria ser olhado com Carinho pelo Professor Tite.

Matheus Pereira, 17 anos, é considerado a joia da coroa, fez um bom campeonato, porém, mostrou-se totalmente imaturo para jogar no time principal, não pode bater penalti como bateu na final.

Tocantins. Não merece palmas, mas seria util.

Léo Jabá. Forte, atacante com vontade e quando quer jogar, joga boa bola.

Gabriel Vasconcelos. Tem faro de gol, POREM, é irresponsável, na hora de bater o pênalti, sentiu a pressão.

Renan Areias, não mostrou nada demais

Pedrinho, bom meia, jogou muito pouco, ano que vem da para avaliar
Claudinho, atacante, 19 anos, jogou pouco, fez gol decisivo contra o Cruzeiro (MG).
Carlos, 19 anos, parece o Jô correndo, porém, precisa ser lapidado, meio desengonçado.

Do time que jogou, podemos dizer que Léo Principe, Maycon, Matheus, Jabá e Gabriel Vasconcelos, poderiam já hoje integrar o time profissional do Corinthians, já que o time está com meio time indo embora.

Não para massacrar os outros jogadores e também o time, mas é bom uma orientada e cobrar eles.

Campeonato Brasileiro 2015 – 37° rodada – Sport (PE) x Corinthians – Ficha técnica do jogo

29 de novembro de 2015 Comentários desligados

Domingo, dia 29 de novembro de 2015 ás 16h (04pm) – horário local – 17h (05pm) – horário de Brasilia, o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela 5.549* em sua história, desta vez para enfrentar o Sport Clube do Recife (PE) equipe da cidade de Recife (PE) em jogo válido pela 37° rodada do Campeonato Brasileiro a ser realizado na Arena Pernambuco

O Corinthians em 105 anos de história:
Foram 5.549 jogos* com 2.900 vitórias; 1.374 empates; 1.259 derrotas; 10.566 gols pró; 6.396 gols contra. Saldo: +4.170 gols.
*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2015
Foram 69 jogos, com 44 vitórias, 15 empates, 10 derrotas, 122 gols pró, 51 gols contra.

O Corinthians na Arena Pernambuco:
1 jogo, 1 derrota, nenhum gol pró, 1 gol contra.

Na história do Campeonato Brasileiro (inclusive Torneio Roberto Gomes Pedrosa):
Foram 1.290 jogos; 558 vitórias; 378 empates; 354 derrotas; 1.731 gols pró; 1.363 gols contra.
No Robertão (1967-1970): 72 jogos; 37 vitórias; 17 empates; 18 derrotas; 106 gols pró; 76 gols contra.
Como visitante no Robertão (1967-1970): Foram 40 jogos, sendo 18 vitórias, 7 empates 15 derrotas, 52 gols pró, 49 gols contra
No Brasileirão (1971-2015): Foram 1.210 jogos, sendo 520 vitórias; 361 empates; 336 derrotas; 1.621 gols pró; 1.283 gols contra.
Como visitante no Brasileiro (1971 – 2015): foram 615 jogos sendo 205 vitórias, 194 empates, 216 derrotas, 697 gols pró e 721 gols contra

Sob o comando de Tite:
O professor Adenor Leonardo Bacchi,”o popular Tite”: 69 jogos, com 44 vitórias, 15 empates, 10 derrotas, 122 gols pró, 51 gols contra.
Nas duas passagens pelo Corinthians foram 272 jogos, com 131 vitórias, 86 empates, 55 derrotas.
No total o professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite” comandou a equipe por 335 jogos, 171 vitórias, 99 empates, 66 derrotas.

Contra o Sport Recife:
Retrospecto geral: 34 jogos, 12 vitórias, 9 empates, 13 derrotas, 45 gols pró, 45 gols contra.
Campeonato Brasileiro: 29 jogos, 10 vitórias, 8 empates, 11 derrotas, 35 gols pró, 36 gols contra.
O último jogo ocorreu pela 18° rodada do Campeonato Brasileiro de 2015 e o time do povo venceu por 4×3 jogando na Arena Corinthians.
Veja abaixo como foi a partida

Para este jogo teremos a arbitragem de Ricardo Marques Ribeiro – MG (FIFA) (Copa Libertadores 2015 – 2° fase – Grupo 2 – 1° rodada – Corinthians 2×0 São Paulo (árbitro), Copa do Brasil 2015 – Oitavas de Final (volta) – Corinthians 1×2 Santos (árbitro),  Brasileiro 2015 – 12° rodada – Corinthians 2×0 Atlético (PR) (árbitro)    Brasileiro 2014 – 18° rodada – Corinthians 1×1 Fluminense (RJ) (árbitro assistente adicional1), 24° rodada – Figueirense (SC) 1×0 Corinthians (árbitro), 36° rodada – Corinthians 1×0 Grêmio (RS) (árbitro)    Recopa 2013 – Jogo de Ida – São Paulo 1×2 Corinthians (árbitro), Brasileiro 2013 – Atlético (PR) 1×1 Corinthians (árbitro), Copa do Brasil 2013 – Quartas de Final (IDA) – Corinthians 0x0 Grêmio (RS) (árbitro), Corinthians 1×0 Vasco (RJ) (árbitro)    Copa Libertadores 2012 – Quartas de Final – Jogo de Ida – Vasco (RJ) 0x0 Corinthians (quarto árbitro), Semi Final – Volta – Corinthians 1×1 (quarto árbitro)    Brasileiro 2011 – Corinthians 2×1 Coritiba  (arbitro), Corinthians 1×0 Internacional (RS) (arbitro)) sendo auxiliado por Kleber Lucio Gil – SC (FIFA) (Brasileiro 2015 – 11° rodada – Goiás (GO) 0x0 Corinthians (bandeira1), 24° rodada – Corinthians 1×1 Grêmio (RS) (bandeira2), 33° rodada – Atlético (MG) 0x3 Corinthians (bandeira1)    Brasileiro 2014 – 11° rodada – Vitória (BA) 0x0 Corinthians (bandeira1), 17° rodada – Grêmio (RS) 2×1 Corinthians (bandeira1), 27° rodada – Cruzeiro (MG) 0x1 Corinthians (bandeira2), 29° rodada – Internacional (RS) 1×2 Corinthians (bandeira1), Copa do Brasil 2014 – 5° fase – Quartas de Final (volta) – Atlético (MG) 4×1 Corinthians (bandeira2)    Recopa 2013 – Jogo de Ida – São Paulo 1×2 Corinthians (bandeira2), Brasileiro 2013 – Corinthians 1×0 Coritiba (PR) (bandeira1), Grêmio (RS) 1×0 Corinthians (bandeira1), Copa do Brasil 2013 – Quartas de Final (IDA) – Corinthians 0x0 Grêmio (RS) (bandeira2)    Brasileiro 2012 – Corinthians 2×0 Cruzeiro (MG) (bandeira2), Fluminense (RJ) 1×1 Corinthians (bandeira2), Cruzeiro (MG) 2×0 Corinthians (bandeira1)    Brasileiro 2011 – Fluminense (RJ) 1×0 Corinthians (bandeira1), Corinthians 3×0 Atlético (GO) (bandeira 1)) e Bruno Boschilia – PR (FIFA) (Copa do Brasil 2015 – Oitavas de Final (volta) – Corinthians 1×2 Santos (bandeira1)        “Brasileiro 2013 – Corinthians 2×0 Vitória (BA) (bandeira2), Corinthians 1×0 Criciúma (SC) (bandeira1), Corinthians 0x0 Internacional (RS) (bandeira1), Copa do Brasil 2013 – Oitavas de Final (VOLTA) – Corinthians 2×0 Luverdense (MT) (bandeira1), Brasileiro 2012 – Grêmio (RS) 2×0 Corinthians (bandeira1), Corinthians 1×3 Botafogo (RJ) (bandeira2), Figueirense (SC) 1×0 Corinthians (bandeira1), Náutico (PE) 2×1 Corinthians (bandeira2)    Brasileiro 2011 – Corinthians 1×0 Bahia (BA) (bandeira1)). O quarto árbitro será Jailson Macedo Freitas – BA (ESP-2) (Brasileiro 2015 – 26° rodada – Internacional (RS) 2×1 Corinthians (arbitro)    Brasileiro 2014 – 5° rodada – Corinthians 0x1 Figueirense (SC) (árbitro)    Brasileiro 2013 – Cruzeiro (MG) 1×0 Corinthians (árbitro), Atlético (MG) 0x0 Corinthians (árbitro)    Brasileiro 2012 – Cruzeiro (MG) 2×0 Corinthians (árbitro)), o quinto árbitro será Albino Andrade Albert Junior – PE (CBF-1)  (Campeonato Brasileiro 2015 – 2° rodada – Corinthians 1×0 Chapecoense (SC) (bandeira2)    Brasileiro 2014 – 18° rodada – Corinthians 1×1 Fluminense (RJ) (bandeira1)). O delegado será Francisco Domingos da Silva – PE (ASS) (Brasileiro 2013 – Náutico (PE) x Corinthians (assessor))

No jogo jogo entre Corinthians 0x0 Grêmio (RS)  pela primeira partida da Copa do Brasil, anulou um gol legitimo do Guerrero)

 

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuiram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil, 5 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS, estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians, vem de vitória como mandante contra o São Paulo por 6×1 em jogo válido pela 36° rodada do Campeonato Brasileiro, é campeão brasileiro de 2015 com 80  pontos em 36 jogos no campeonato com 24 vitórias (dezesseis como mandante – 6×1 São Paulo, 2×1 Coritiba (PR), 3×0 Goiás (GO) 2×0 Santos, 3×0 Joinville (SC), 2×0 Fluminense (RJ), 3×0 Cruzeiro (MG), 4×3 Sport (PE), 3×0 Vasco (RJ), 2×0 Atlético (MG), 2×0 Atlético (PR), 2×0 Ponte Preta, 2×1 Figueirense (SC), 2×1 Internacional (RS), 1×0 Chapecoense (SC) – oito como visitante – Atlético (MG) 0x3, Atlético (PR) 1×4, Figueirense (SC) 1×3, Chapecoense (SC) 1×3, Avaí (SC) 1×2, Flamengo (RJ) 0x3, Joinville (SC) 0x1, Cruzeiro (MG) 1×0) 8 empates (um como mandante – 1×1 Grêmio (RS), sete como visitante –Vasco (RJ) 1×1, Ponte Preta 1×1, Palmeiras 3×3 – São Paulo 1×1, Coritiba (PR) 1×1, Goiás (GO) 0x0, Fluminense (RJ) 0x0) 4 derrotas (uma como mandante – 0x1 Palmeiras, três como visitante – Internacional (RS) 2×1, Santos 1×0, Grêmio (RS) 3×1), marcou 70 gols e sofreu 28 gols com saldo de 42 gols e aproveitamento de 70%  deverá entrar em campo com a seguinte formação: Cássio, Edilson, Felipe, Gil, Uendel, Ralf, Jadson, Renato Augusto, Rodriguinho, Wagner Loco e Malcom e com ele, o grande, o mítico, o intrépido, senhor educado, imponente, paquiderme, gênio, fantástico, incrível, estupendo, magnânimo, insuperável, inestimável, inteligentíssimo, inigualável, gênio da prancheta eletrônica, o estrategista, o nosso professor Adenor Leonardo Bachi o popular Tite (@adenor_tite) no banco de suplentes

Sport Club do Recife, clube fundado dia 13 de maio de 1905, por Guilherme de Aquino Fonseca que retornou ao Brasil depois de um tempo estudando na Inglaterra e decidiu fundar o clube, que segundo eles é o maior clube do Norte-Nordeste do Brasil, está localizado na cidade de Recife (PE), teve como primeiro presidente o Sr. Elysio Alberto Silveira, atualmente é presidido pelo Senhor Gustavo Dubeux, tem como simbolo um leão, manda seus jogos no Estádio Adelmar da Costa Carvalho, mais conhecido como Ilha do Retiro, Estádio este inaugurado em 04 de julho de 1937 em amistoso com o Santa Cruz (PE) com vitória do Sport por 6×5, com o primeiro gol marcado por Artur Danzi, teve como maior publico a final do Campeonato Pernambucano de 1998 entre Sport 2×0 Porto com 56.875 pessoas presentes, atualmente cabem 35 mil pessoas e tem como dimensões 105×78, excepcionalmente mandará seu jogo na Arena Pernambuco

Arena Pernambuco

Estádio este construído em São Lourenço da Mata, na região metropolitana de Recife para a Copa do Mundo, ao custo de 532 milhões de reais, tem capacidade para 46.000 pessoas, teve como partida inaugural o jogo entre Náutico (PE) 1×1 Sporting (POR) e recorde de público de 41.705 pessoas no jogo entre Espanha 2×1 Uruguai em jogo da Copa das Confederações, tem como gramado, uma grama natural nas dimensões de 105×68 metros, foi construído com dinheiro público, mas pertence hoje ao Consórcio Arena Pernambuco e tem como mandante o Náutico vem de empate como mandante contra o Atlético (PR) por 0x0 em jogo válido pela 36° rodada do Campeonato Brasileiro, está em 7° lugar com 53 pontos em 36 jogos sendo 13 vitórias, 14 empates e 9 derrotas, marcou 50 gols e sofreu 38 gols com saldo de 12 gols e aproveitamento de 49,1% no campeonato, é treinado por Paulo Roberto Falcão que deverá mandar a campo a seguinte formação Danilo Fernandes, Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval, Danilo, Rodrigo Mancha, Ritchely, Marlone, Diego Souza, Elber, André

Campeonato Brasileiro 2015 – 35° rodada – Vasco (RJ) x Corinthians – Ficha técnica do jogo

19 de novembro de 2015 Comentários desligados

Quinta feira, dia 19 de novembro de 2015 ás 22h (10pm) o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela 5.548° vez em sua história, desta vez para enfrentar o Clube de Regatas Vasco da Gama equipe da cidade do Rio de Janeiro (RJ) em jogo válido pela 35° rodada do Campeonato Brasileiro de 2015 a ser realizado no Estádio de São Januário (RJ)

O Corinthians em 105 anos de história:
Foram 5.547 jogos* com 2.899 vitórias; 1.373 empates; 1.259 derrotas; 10.569 gols pró; 6.393 gols contra. Saldo: +4.175 gols.
*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2015
Foram 67 jogos, com 43 vitórias, 14 empates, 10 derrotas, 115 gols pró, 51 gols contra.

Na história do Campeonato Brasileiro (inclusive Torneio Roberto Gomes Pedrosa):
Foram 1.288 jogos; 557 vitórias; 377 empates; 354 derrotas; 1.724 gols pró; 1.361 gols contra.
No Robertão (1967-1970): 72 jogos; 37 vitórias; 17 empates; 18 derrotas; 106 gols pró; 76 gols contra.
Como visitante no Robertão (1967-1970): Foram 40 jogos, sendo 18 vitórias, 7 empates 15 derrotas, 52 gols pró, 49 gols contra
No Brasileirão (1971-2015): Foram 1.208 jogos, sendo 519 vitórias; 360 empates; 336 derrotas; 1.614 gols pró; 1.281 gols contra.
Como visitante no Brasileiro (1971 – 2015): foram 614 jogos sendo 205 vitórias, 193 empates, 216 derrotas, 696 gols pró e 720 gols contra

Sob o comando de Tite:
O professor Adenor Leonardo Bacchi,”o popular Tite”: Foram 66 jogos, com 42 vitórias, 14 empates, 10 derrotas, 113 gols pró, 50 gols contra.
Nas duas passagens pelo Corinthians foram 272 jogos, com 131 vitórias, 86 empates, 55 derrotas.
No total o professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite” comandou a equipe por 333 jogos, 170 vitórias, 98 empates, 66 derrotas.

Retrospecto Corinthians x Vasco

Foram 113 jogos com 44 vitorias, 33 empates, 35 derrotas, 162 gols pró e 155 contra
Primeiro jogo ocorreu dia 14 de março de 1926, vitória do Vasco por 2×1 na rua payssandur.
No Robertão (1967-1970): 4 jogos, 4 vitórias, 9 gols pró, 3 gols contra;
Pelo Brasileiro (1967 -2015) 53 vezes, somando 19 vitórias, 21 empates e 13 derrotas. O Corinthians balançou as redes adversárias em 63 oportunidades e sofreu 59 gols.
No Brasileirão (1971-2015): 49 jogos, 15 vitórias, 21 empates, 13 derrotas, 54 gols pró, 56 gols contra.
O ultimo confronto ocorreu na arena corinthians, dia 29 de julho de 2015 e o time do povo venceu por 3×0.

Veja abaixo como foi a partida

Para este jogo teremos a arbitragem de Anderson Daronco – RS (FIFA) (Copa Libertadores 2015 – 5° rodada – Corinthians 0x0 San Lorenzo (ARG) (quarto árbitro), Campeonato Brasileiro 2015 – 1° rodada – Cruzeiro (MG) 0x1 Corinthians (árbitro), 14° rodada – Corinthians 1×0 Atlético (MG) (árbitro), 19° rodada – Avai (SC) 1×2 Corinthians (árbitro), 33° rodada – Atlético (MG) 0x3 Corinthians (quarto árbitro)    Brasileiro 2014 – 2° rodada – Corinthians 2×0 Flamengo (RJ) (árbitro assistente adicional1), 28° rodada – Corinthians 1×1 Botafogo (RJ) (árbitro assistente adicional1), 15° rodada – Corinthians 1×1 Bahia (BA) (árbitro), 24° rodada – Figueirense (SC) 1×0 Corinthians (quarto árbitro)    Brasileiro 2013 – Grêmio (RS) 1×0 Corinthians (quarto árbitro), Corinthians 1×0 Criciúma (SC) (árbitro)    Brasileiro 2012 – Corinthians 1×1 Atlético (GO) (arbitro), Fluminense (RJ) 1×1 Corinthians (arbitro assistente adicional1), Figueirense (SC) 1×0 Corinthians (árbitro assistente adicional1), Corinthians 3×0 Sport (PE) (árbitro assistente adicional1)) sendo auxiliado por Alessandro A Rocha de Matos – BA (FIFA) (Campeonato Brasileiro 2015 – 3° rodada – Fluminense (RJ) 0x0 Corinthians (bandeira1), 5° rodada –  Grêmio (RS) 3×1 Corinthians (bandeira1), 7° rodada – Corinthians 2×1 Internacional (RS) (bandeira1), 15° rodada – Coritiba (PR) 1×1 Corinthians  (bandeira1), 24° rodada – Corinthians 1×1 Grêmio (RS) (bandeira1)    Brasileiro 2014 – 5° rodada – Corinthians 0x1 Figueirense (SC) (bandeira1), 27° rodada – Cruzeiro (MG) 0x1 Corinthians (bandeira1), Copa do Brasil 2014 – 5° fase – Quartas de Final (volta) – Atlético (MG) 4×1 Corinthians (bandeira1)) e Fabiano da Silva Ramires – ES (ESP-2) (Brasileiro 2015 – 26° rodada – Internacional (RS) 2×1 Corinthians (bandeira1)        Copa do Brasil 2013 – Luverdense (MT) 1×0 Corinthians (bandeira1), Brasileiro 2013 – Corinthians 2×0 Bahia (BA) (bandeira2)    Brasileiro 2012 – Bahia (BA) 0x0 Corinthians (bandeira2), Coritiba (PR) 1×2 Corinthians (bandeira2)    Brasileiro 2011 – Cruzeiro (MG) 0x1 Corinthians (bandeira1)). O quarto árbitro será Nielson Nogueira Dias – PE (ESP-2) (Brasileiro 2014 – 21° rodada – Flamengo (RJ) 1×0 Corinthians (arbitro assistente adicional1), 29° rodada – Internacional (RS) 1×2 Corinthians (árbitro assistente adicional2), Brasileiro 2011 – Grêmio (RS) 1×2 Corinthians (arbitro), Corinthians 2×1 Atlético (PR), Corinthians 0x0 Palmeiras (quarto arbitro)) e o quinto árbitro ser;a Dibert Pedrosa Moises – RJ (ESP-1) (Brasileiro 2014 – 6° rodada – Corinthians 1×1 Atlético (PR) (bandeira1)    Brasileiro 2013 – Corinthians 1×1 Botafogo (RJ) (bandeira2), Bahia (BA) 0x2 Corinthians (bandeira1), Corinthians 2×0 Grêmio (RS) (bandeira2)    Libertadores 2012 – Semi Final – Santos 0x1 Corinthians (bandeira1)). O delegado será Nilson de Souza Monção – SP (000) (Libertadores 2015 – 1° fase – Jogo de Ida – Corinthians 4×0 Once Caldas (COL) (delegado), 4° rodada – Corinthians 4×0 Danúbio (URU)  (delegado), Brasileiro 2015 – 21° rodada – Chapecoense (SC) 1×3 Corinthians (delegado)    Copa do Brasil 2014 – 3° fase (Jogo de IDA) – Corinthians 3×0 Bahia (BA) (delegado), Brasileiro 2014 – 5° rodada – Corinthians 0x1 Figueirense (SC) (Delegado), 6° rodada – Corinthians 1×1 Atlético (PR) (delegado), 10° rodada – Corinthians 2×1 Internacional (RS) (delegado), 32° rodada – Corinthians 2×2 Coritiba (PR)  (delegado), 36° rodada – Corinthians 1×0 Grêmio (RS) (delegado2), 37° rodada – Fluminense (RJ) 5×2 Corinthians (delegado)    Brasileiro 2013 – Corinthians 2×0 Grêmio (RS) (delegado), Brasileiro 2013 – Corinthians 2×0 Vitória (BA) (assessor)    Brasileiro 2012 – Ponte Preta 1×0 Corinthians (assessor), Corinthians 2×1 Palmeiras (assessor), Corinthians 1×1 Portuguesa (assessor)    Brasileiro 2011 – Santos 0x0 Corinthians (assessor), Corinthians 1×0 Bahia (BA) (assessor))

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuiram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil, 5 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS, estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians, vem de vitória como mandante contra o Coritiba (PR) por 2×1 em jogo válido pela 35° rodada do Campeonato Brasileiro, é líder do campeonato com 76  pontos em 35 jogos no campeonato com 23 vitórias (quinze como mandante – 2×1 Coritiba (PR), 3×0 Goiás (GO) 2×0 Santos, 3×0 Joinville (SC), 2×0 Fluminense (RJ), 3×0 Cruzeiro (MG), 4×3 Sport (PE), 3×0 Vasco (RJ), 2×0 Atlético (MG), 2×0 Atlético (PR), 2×0 Ponte Preta, 2×1 Figueirense (SC), 2×1 Internacional (RS), 1×0 Chapecoense (SC) – oito como visitante – Atlético (MG) 0x3, Atlético (PR) 1×4, Figueirense (SC) 1×3, Chapecoense (SC) 1×3, Avaí (SC) 1×2, Flamengo (RJ) 0x3, Joinville (SC) 0x1, Cruzeiro (MG) 1×0) 7 empates (um como mandante – 1×1 Grêmio (RS), seis como visitante –Ponte Preta 1×1, Palmeiras 3×3 – São Paulo 1×1, Coritiba (PR) 1×1, Goiás (GO) 0x0, Fluminense (RJ) 0x0) 4 derrotas (uma como mandante – 0x1 Palmeiras, três como visitante – Internacional (RS) 2×1, Santos 1×0, Grêmio (RS) 3×1), marcou 63 gols e sofreu 26 gols com saldo de 37 gols e aproveitamento de 70%  deverá entrar em campo com a seguinte formação: Cássio, Edilson, Felipe, Gil, Uendel, Ralf, Jadson, Renato Augusto, Rodriguinho, Wagner Loco e Malcom e com ele, o grande, o mítico, o intrépido, senhor educado, imponente, paquiderme, gênio, fantástico, incrível, estupendo, magnânimo, insuperável, inestimável, inteligentíssimo, inigualável, gênio da prancheta eletrônica, o estrategista, o nosso professor Adenor Leonardo Bachi o popular Tite (@adenor_tite) no banco de suplentes

Club de Regatas Vasco da Gama, fundado dia 21 de agosto de 1898 por imigrantes portugueses (em sua maioria), que se reuniram e resolveram fundar o clube, é presidido pelo Sr. Eurico Miranda, manda seus jogos no Estádio Vasco da Gama (que é mais conhecido como São Januário e Gigante da Colina)

São_Januário_vista_aérea

Estádio este fundado 21 de abril de 1927 e foi construido com a ajuda de seus torcedores, possui 4 campeonatos brasileiros (1974, 1989, 1997 e 2000), uma copa do Brasil (2011), uma Série B (2009), uma Copa Libertadores (1998), uma Copa Mercosul (2000 – atual copa sul americana), 3 torneios Rio-SP (1958, 1966 – dividido com Botafogo, Corinthians e Santos – e 1999), 22 campeonatos cariocas (1923, 1924, 1929, 1934, 1936, 1945, 1947, 1949, 1950, 1952, 1956, 1958, 1970, 1977, 1982, 1987, 1988, 1992, 1993, 1994, 1998 e 2003), 11 Taças Guanabara (1965, 1976, 1977, 1986, 1987, 1990, 1992, 1994, 1998, 2000 e 2003), 9 Taça Rio (1984, 1988, 1992, 1993, 1998, 1999, 2001, 2003 e 2004), vem de vitória como visitante contra o Palmeiras por 0x2 em jogo válido pela 35° rodada do Campeonato Brasileiro, está em 19° lugar no campeonato com 33 pontos em 34 jogos sendo 8 vitórias, 9 empates, 17 derrotas, marcou 24 gols e sofreu 52 gols com saldo negativo de 28 gols e aproveitamento de 32,4% no campeonato, é treinado por Jorginho que deverá mandar a campo a seguinte escalação: Martín Silva, Madson, Luan, Rodrigo, Julio César; Diguinho, Serginho, Andrezinho e Nenê; Rafael Silva e Riascos

Campeonato Brasileiro 2015 – 34° rodada – Corinthians 2×1 Coritiba (PR)

8 de novembro de 2015 Comentários desligados

Em um jogo que foi um marasmo só, o coringão venceu o jogo.
Jogou pelo gasto, o time agora tem novo talismã, Tite é foda e vamos aos poucos ser campeões brasileiros

Só para constar, seremos campeões pela 6° vez sem ser na canetada.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 2 x 1 CORITIBA

Data: 7 de novembro de 2015
Horário: 19h30 (de Brasília)

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Público: 43.688 pagantes
Renda: R$ 2.772.735,50
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa/PA)
Auxiliares: José Javel Silveira (RS) e Guilherme Dias Camilo (Fifa/MG)

Gols: Jadson, aos 16 minutos do primeiro tempo; Negueba, aos 3 minutos, e Lucca, aos 42 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Kleber, Leandro Silva e Rafael Marques (Coritiba)

CORINTHIANS: Cássio; Edilson, Felipe, Gil e Guilherme Arana; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto (Rodriguinho) e Malcom (Lucca); Vagner Love (Danilo). Técnico: Tite

CORITIBA: Wilson; Leandro Silva, Rafael Marques, Juninho e Carlinhos; João Paulo, Alan Santos (Cáceres), Negueba (Lúcio Flávio) e Juan (Thiago Lopes); Kleber e Henrique Almeida. Técnico: Pachequinho

Campeonato Brasileiro 2015 – 31° rodada – Atlético (PR) x Corinthians – Ficha técnica do jogo

18 de outubro de 2015 Comentários desligados

Domingo, dia 18 de outubro de 2015 ás 16h (04pm) o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela  5.544° vez em sua história, desta vez para enfrentar o Clube Atlético Paranaense equipe da cidade de Curitiba em jogo válido pela 31° rodada do Campeonato Brasileiro de 2015 a ser realizado no Estádio Joaquim Américo – Arena da baixada.

O Corinthians em 105 anos de história:
Foram 5.543 jogos* com 2.895 vitórias; 1.373 empates; 1.259 derrotas; 10.569 gols pró; 6.391 gols contra. Saldo: +4.178 gols.
*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2015
Foram 63 jogos, com 39 vitórias, 14 empates, 10 derrotas, 105 gols pró, 49 gols contra.

Na história do Campeonato Brasileiro (inclusive Torneio Roberto Gomes Pedrosa):
Foram 1.284 jogos; 553 vitórias; 377 empates; 354 derrotas; 1.714 gols pró; 1.359 gols contra.
No Robertão (1967-1970): 72 jogos; 37 vitórias; 17 empates; 18 derrotas; 106 gols pró; 76 gols contra.
Como visitante no Robertão (1967-1970): Foram 40 jogos, sendo 18 vitórias, 7 empates 15 derrotas, 52 gols pró, 49 gols contra
No Brasileirão (1971-2015): Foram 1.204 jogos, sendo 515 vitórias; 360 empates; 336 derrotas; 1.604 gols pró; 1.279 gols contra.
Como visitante no Brasileiro (1971 – 2015): foram 611 jogos sendo 202 vitórias, 193 empates, 216 derrotas, 684 gols pró e 718 gols contra

Sob o comando de Tite:
O professor Adenor Leonardo Bacchi,”o popular Tite”: Foram 63 jogos, com 39 vitórias, 14 empates, 10 derrotas, 105 gols pró, 49 gols contra.
Nas duas passagens pelo Corinthians foram 272 jogos, com 131 vitórias, 86 empates, 55 derrotas.
No total o professor Adenor Leonardo Bacchi, “o popular Tite” comandou a equipe por 330 jogos, 167 vitórias, 98 empates, 66 derrotas.

Retrospecto Corinthians x Atlético Paranaense
Retrospecto geral: 51 jogos, 18 vitórias, 17 empates, 16 derrotas, 73 gols pró, 72 gols contra.
Pelo Campeonato Brasileiro (1967-2015): Foram 38 jogos, 12 vitórias, 14 empates, 12 derrotas, 47 gols pró, 55 gols contra.
No Brasileirão (1971-2015): Foram 33 jogos, 11 vitórias, 12 empates, 10 derrotas, 44 gols pró, 49 gols contra.
Na Arena da Baixada.
Foram 19 jogos, com 6 vitórias, 6 empates e 7 derrotas.
Marcamos 26 gols e sofremos 27 gols.
Pelo campeonato brasileiro
Foram 12 jogos, com 3 vitórias, 4 empates e 7 derrotas
Marcamos 15 gols e sofremos 19 gols.

O último confronto ocorreu pela 12° rodada do Campeonato Brasileiro de 2015 e o time do povo venceu por 2×0.
Veja abaixo como foi a partida

Para este jogo, teremos a arbitragem de Elmo Alves Resende Cunha – GO (ESP-2) (Brasileiro 2015 – 25° rodada – Corinthians 3×0 Joinville (SC) (quarto árbitro)    Brasileiro 2014 – 21° rodada – Flamengo (RJ) 1×0 Corinthians (arbitro assistente adicional2), 34° rodada – Bahia (BA) 1×2 Corinthians  (árbitro)    Brasileiro 2013 – Corinthians 2×0 Vitória (BA) (árbitro), Náutico (PE) x Corinthians (árbitro)) sendo auxiliado por Jesmar Benedito Miranda de Paula – GO (CBF-1) (Brasileiro 2012 – Corinthians 1×1 Figueirense (SC) (bandeira2)) e Adailton Fernando Menezes – GO (CBF-2). O quarto árbitro será Paulo Roberto Alves Junior – PR (CBF-2) (Brasileiro 2014 – 3° rodada – Chapecoense (SC) 0x1 Corinthians (árbitro assistente adicional2)    Brasileiro 2013 – Corinthians 0x0 Internacional (RS) (árbitro assistente adicional2)) e Afonso Vitor de Oliveira – PR (000) (Brasileiro 2015 – 15° rodada – Coritiba (PR) 1×1 Corinthians (delegado)    Brasileiro 2014 – 5° rodada – Corinthians 0x1 Figueirense (SC) (bandeira1), 13° rodada – Coritiba (PR) 0x0 Corinthians (delegado), 25° rodada – Atlético (PR) 1×0 Corinthians (delegado), Brasileiro 2013 – Atlético (PR) 1×1 Corinthians (árbitro assistente adicional2), Portuguesa 4×0 Corinthians (árbitro assistente adicional2), Corinthians 1×0 Fluminense (RJ)(árbitro assistente adicional2), Coritiba (PR) 0x1 Corinthians (assessor))

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuiram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil, 5 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS, Estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians, vem de vitória como mandante contra o Goiás (GO) por 3×0 em jogo válido pela 30° rodada do Campeonato Brasileiro, é líder do campeonato com 64  pontos em 30 jogos no campeonato com 19 vitórias (treze como mandante – 3×0 Goiás (GO) 2×0 Santos, 3×0 Joinville (SC), 2×0 Fluminense (RJ), 3×0 Cruzeiro (MG), 4×3 Sport (PE), 3×0 Vasco (RJ), 2×0 Atlético (MG), 2×0 Atlético (PR), 2×0 Ponte Preta, 2×1 Figueirense (SC), 2×1 Internacional (RS), 1×0 Chapecoense (SC) – seis como visitante – Figueirense (SC) 1×3, Chapecoense (SC) 1×3, Avaí (SC) 1×2, Flamengo (RJ) 0x3, Joinville (SC) 0x1, Cruzeiro (MG) 1×0) 7 empates (um como mandante – 1×1 Grêmio (RS), seis como visitante –Ponte Preta 1×1, Palmeiras 3×3 – São Paulo 1×1, Coritiba (PR) 1×1, Goiás (GO) 0x0, Fluminense (RJ) 0x0) 4 derrotas (uma como mandante – 0x1 Palmeiras, três como visitante – Internacional (RS) 2×1, Santos 1×0, Grêmio (RS) 3×1), marcou 53 gols e sofreu 24 gols com saldo de 26 gols e aproveitamento de 70%  deverá entrar em campo com a seguinte formação: Cássio, Edilson, Felipe, Gil, Uendel, Ralf, Jadson, Renato Augusto, Elias, Wagner Loco e Malcom e com ele, o grande, o mítico, o intrépido, senhor educado, imponente, paquiderme, gênio, fantástico, incrível, estupendo, magnânimo, insuperável, inestimável, inteligentíssimo, inigualável, gênio da prancheta eletrônica, o estrategista, o nosso professor Adenor Leonardo Bachi o popular Tite (@adenor_tite) no banco de suplentes.

Clube Atlético Paranaense,  equipe fundada da dia 26 de março de 1924 com a fusão de dois clubes o Internacional Futebol Clube e América Futebol clube, fez seu primeiro jogo dia 06 de abril de 1924 contra o Universal FC e ganhou por 4×2, passou algumas décadas sem ganhar nada no período de 1950 até 1981, tem como alcunhas furacão e rubro negro, seu torcedor é conhecido como Atléticano  e tem como mascote um cartola, é presidido por Mário Celso Petraglia, tem como estádio o Estádio Joaquim Américo Guimarães – Arena da Baixada,

Estádio este com capacidade para 28.413 (com a ampliação para a Copa passará a receber 41.238 torcedores),  teve como recorde de público 31 mil torcedores, foi fundado em 06 de setembro de 1914 e ampliado e reformado com inauguração em 20 de junho de 1999, a primeira partida foi em 1914 entre Internacional (PR) 1×7 Flamengo (RJ) e na nova inauguração foi entre Atlético (PR) 2×1 Cerro Porteño , teve como recorde de público 31 mil torcedores no jogo entre Atlético (PR) 4×2 São Caetano possui gramado do tipo Bermuda Tifway 419  com dimensões de 105 x 68 m pertence, é administrado e tem como mandante o Clube Atlético Paranaense, vem de empate como mandante contra o Cruzeiro (MG) por 2×2, em jogo válido pela 30° rodada do Campeonato Brasileiro de 2015, está em 12° lugar no campeonato com 39 pontos em 30 jogos sendo 11 vitórias, 6 empates e 13 derrotas, marcou 32 gols e sofreu 35 gols com saldo negativo de 3 gols e aproveitamento de 43,3% no campeonato, é treinado por Cristovão Borges que deverá mandar a campo a seguinte formação:   Werveton, Matheus Ribeiro, Wellington, Kadu, Sidcley, Otavio, Deivid, Bruno Mota, Ytalo,Evandro, Walter

Campeonato Brasileiro 2015 -30° rodada – Corinthians 3×0 Goiás (GO)

15 de outubro de 2015 Comentários desligados

E continuando a contagem regressiva para o título Corinthiano, o time do povo deu uma surra naquele time verde lá do planalto central, ajudou os adversários diretos e com isso, afundou ainda mais o time goiano que não serve para nada.

O Corinthians, jogou pro gasto o primeiro tempo, fez 1×0 com Edu Dracena subindo no 30° andar e depois, com uma falha bisonha do zagueiro, Wagner Inútil, ops,  Wagner Love tocou a bola para Malcon que mandou para o fundo da rede.

Depois, foi aquele marasmo, chegamos a tomar alguns sustos, mas só para dar um pouco de graça, então veio Rodriguinho e deu uma cassetada de fora da área e o goleiro foi com mão de alface e a bola morreu no fundo das redes

E novamente, Wagner Love mostrou o quão inútil ele é.

Cada rodada que passa, é mais um pouco perto do título.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 3 x 0 GOIÁS
Data: 15/10/2015
Horário: 19h30 (de Brasília)
Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Público: 41.179 presentes (40.925 pagante)
Renda: R$ 2.561.055,50
Árbitro: Wagner Reway (MT – Asp Fifa)
Auxiliares: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS – Asp Fifa) e Fabio Rodrigo Rubinho (MT – CBF)
Cartões Amarelos: Patrick, Ygor, Zé Love e Diogo Barbosa (Goiás)
Gols: Edu Dracena, aos 15, Malcom, aos 26 minutos do primeiro tempo, e Rodriguinho, aos 42 minutos do segundo tempo.
CORINTHIANS: Cássio; Edílson, Gil, Edu Dracena e Guilherme Arana; Ralf; Jadson, Rodriguinho, Renato Augusto (Cristian) e Malcom (Lucca); Vagner Love (Danilo). Treinador: Tite
GOIÁS: Renan; Gimenez (Everton), Felipe Macedo (Alex Alves), Fred e Diogo Barbosa; Ygor, David, Patrick e Felipe Menezes; Erik (Bruno Henrique) e Zé Love. Treinador: Artur Neto.