Inicial > Campeonato Brasileiro, Campeonato Brasileiro 2017 > Campeonato Brasileiro 2017 – 1° Rodada – Corinthians x Chapecoense (SC) – Ficha Técnica do Jogo

Campeonato Brasileiro 2017 – 1° Rodada – Corinthians x Chapecoense (SC) – Ficha Técnica do Jogo

13 de maio de 2017

Sábado, dia 13 de maio de 2017 ás 19h (07pm) o Sport Club Corinthians Paulista entrará em campo pela 5.653° vez em sua história desta vez para enfrentar a Associação Atlética Chapecoense equipe da cidade de Chapecó em Santa Catarina em jogo válido pela 1° rodada do Campeonato Brasileiro de 2017 a ser realizado na Arena Corinthians

O Corinthians em 106 anos de história:
Foram 5.652° jogos* com 2.950 vitórias; 1.404 empates; 1.280 derrotas; 10.703 gols pró; 6.488 gols contra. Saldo: +4.215 gols.

*Existem 15 jogos na história que não se sabe o resultado por isso não estão inclusos na conta.

Em 2017
Foram 29 jogos, 16 vitórias, 11 empates, 2 derrotas, 38 gols pró, 18 gols contra

Na Arena Corinthians
Em 2017
Foram 10 jogos, com 5 vitórias, 3 empates, 2 derrotas, 10 gols pró, 5 gols contra

Na história da Arena Corinthians
Foram 100 jogos, com 69 vitórias, 24 empates, 7 derrotas, 185 gols pró, 60 gols contra
Foram 50 jogos pelo Campeonato Brasileiro sendo 33 vitórias, 13 empates e 4 derrotas, 91 gols pró e 34 gols contra.
Foram 8 jogos pela Copa do Brasil com 6 vitórias, 2 empates, 1 derrota, com 14 gols pró e 6 contra
Foram 29 jogos pelo Campeonato Paulista com 22 vitórias, 7 empates, 1 derrota, 52 gols pró, 17 gols contra
Foram 9 jogos pela Copa Libertadores da América com 6 vitórias, 2 empates, 1 derrota, com 20 gols pró, 3 gol contra
Foi 1 jogo pela Copa Sul-Americana com 1 vitória 2 gols pró
Houve 2 amistosos, 2 vitórias, 4 gols pró
Até hoje 3.087.916 pessoas foram até a Arena Corinthians com uma arrecadação bruta de R$ 187.488.200,99 e liquida de R$ 90.886.687,42*
*Número prejudicado pelo fato da Diretoria do Corinthians recusar-se a fornecer a renda liquida de jogos da Copa Libertadores da América, Copa Sul-Americana e do amistoso realizado contra o Corinthian-Casuals (ENG) (2014) – Atualizado com o valor da renda liquida de 1 jogo da libertadores de 2016

Na história do Campeonato Brasileiro (inclusive Torneio Roberto Gomes Pedrosa):
Foram 1.330 jogos; com 573 vitórias ; 389 empates; 368 derrotas; 1.780 gols pró; 1.407 gols contra.
No Robertão
(1967-1970): Foram 72 jogos ; com 37 vitórias ; 17 empates; 18 derrotas; 106 gols pró; 76 gols contra.
Como mandante no Robertão (1967-1970): Foram 31 jogos , sendo 19 vitórias, 9 empates e 3 derrotas, 53 gols pró, 26 gols contra
Como visitante no Robertão (1967-1970): Foram 40 jogos , sendo 18 vitórias, 7 empates 15 derrotas, 52 gols pró, 49 gols contra
No Brasileirão (1971-2016): Foram 1.250 jogos, sendo 536 vitórias ; 372 empates; 350 derrotas; 1.670 gols pró; 1.327 gols contra.
Como mandante no Brasileiro (1971 – 2016): foram 624 jogos sendo 327 vitórias, 175 empates, 122 derrotas, 961 gols pró e 581 gols sofridos
Como visitante no Brasileiro (1971 – 2016): foram 634 jogos sendo 211vitórias, 197 empates, 226 derrotas, 720 gols pró e 754 gols contra

Sob o comando de Fábio Carille
Na 1° passagem 8 jogos, com 3 vitórias, 2 empates, 3 derrotas, 9 gols pró, 9 gols contra
Na 2° passagem 29 jogos, com 16 vitórias, 11 empates, 2 derrotas, 38 gols pró, 18 gols contra
No total são 37 jogos, com 20 vitórias, 13 empates e 5 derrotas, com 48 gols pró e 26 gols contra

Retrospecto Corinthians x Chapecoense (SC)
Foram 6 jogos – 4 Vitórias, 2 empates, 9 gols pró, 3 gols contra
Na Arena Corinthians foram 2 jogos, 2 empates – 2 gols pro, 2 gols contra.
O último confronto ocorreu pela 33° rodada do Campeonato Brasileiro e o time do povo empatou em 1×1 jogando na Arena Corinthians
Veja abaixo como foi a partida.

Para este jogo teremos a arbitragem de Elmo Alves Resende Cunha (GO – CBF) (Campeonato Brasileiro 2016 – 3° rodada – Corinthians 3×0 Ponte Preta (árbitro), 17° rodada – Internacional (RS) 0x1 Corinthians (árbitro), Copa do Brasil 2016 – Quarta Fase – Oitavas de Final (Ida) – Fluminense (RJ) 1×1 Corinthians (árbitro), 26° rodada – Corinthians 0x2 Palmeiras (quarto árbitro)    Brasileiro 2015 – 25° rodada – Corinthians 3×0 Joinville (SC) (quarto árbitro), 31° rodada – Atlético (PR) 1×4 Corinthians (árbitro)    Brasileiro 2014 – 21° rodada – Flamengo (RJ) 1×0 Corinthians (arbitro assistente adicional2), 34° rodada – Bahia (BA) 1×2 Corinthians  (árbitro)    Brasileiro 2013 – Corinthians 2×0 Vitória (BA) (árbitro), Náutico (PE) 1×0 Corinthians (árbitro) Brasileiro 2011 – Corinthians 0x2 Botafogo (RJ) (arbitro), Ceará (CE) 0x1 Corinthians (arbitro)) sendo auxiliado por Fabricio Vilarinho da Silva (GO – FIFA) (Campeonato Brasileiro 2016 – 10° rodada – Atlético (MG) 2×1 Corinthians (bandeira1), Copa do Brasil 2016 – Quinta Fase – Quartas de Final (IDA) – Corinthians 2×1 Cruzeiro (MG) (bandeira1), Quartas de Final (volta) – Cruzeiro (MG) x Corinthians (bandeira1)    Copa Libertadores 2015 – 2° fase – Grupo 2 – 6° rodada – São Paulo 2×0 Corinthians (bandeira1), Campeonato Brasileiro 2015 – 3° rodada – Fluminense (RJ) 0x0 Corinthians (bandeira2), 14° rodada – Corinthians 1×0 Atlético (MG) (bandeira1), 25° rodada – Corinthians 3×0 Joinville (SC) (bandeira1), 32° rodada – Corinthians 1×0 Flamengo (RJ) (bandeira2), 33° rodada – Atlético (MG) 0x3 Corinthians (bandeira2)    Brasileiro 2014 – 34° rodada – Bahia (BA) 1×2 Corinthians (bandeira1), 37° rodada – Fluminense (RJ) 5×2 Corinthians (bandeira1)    Brasileiro 2013 – Corinthians 1×1 Botafogo (RJ) (bandeira1), Corinthians 0x1 Atlético (MG) (bandeira1), Recopa SulAmericana 2031 – Corinthians 2×0 São Paulo (bandeira2), Copa do Brasil 2013 – Quartas de Final (volta) – Grêmio (RS) 0(3)x0(2) Corinthians (bandeira2)    Brasileiro 2012 – Atlético (MG) 1×0 Corinthians (bandeira1), Náutico (PE) 2×1 Corinthians (bandeira1), Corinthians 1×0 Vasco (RJ) (bandeira1)    Brasileiro 2011 – Botafogo (RJ) 0x2 Corinthians (bandeira1), Coritiba (PR) 1×0 Corinthians (bandeira2), Cruzeiro (MG) 0x1 Corinthians (bandeira2), Ceará (CE) 0x1 Corinthians (bandeira1)) e Cristhian Passos Sorence (GO – CBF) (Campeonato Brasileiro 2016 – 16° rodada – Corinthians 1×1 Figueirense (SC) (bandeira1), Copa do Brasil 2016 – Quarta Fase – Oitavas de Final (Ida) – Fluminense (RJ) 1×1 Corinthians (bandeira1)    Brasileiro 2015 – 21° rodada – Chapecoense (SC) 1×3 Corinthians (bandeira1)    Brasileiro 2014 – 9° rodada – Botafogo (RJ) 1×0 Corinthians (bandeira2), 37° rodada – Fluminense (RJ) 5×2 Corinthians (bandeira2)    Brasileiro 2013 – Botafogo (RJ) 1×0 Corinthians (bandeira2), Corinthians 1×0 Fluminense (RJ) (bandeira1)    Brasileiro 2012 – Atlético (MG) 1×0 Corinthians (bandeira2), Corinthians 1×0 Internacional (RS)(bandeira1), Botafogo (RJ) 2×2 Corinthians (bandeira1)    Brasileiro 2011 – Botafogo (RJ) 0x2 Corinthians (bandeira2)). O quarto árbitro será Edson Antônio de Souza (GO – CBF) e os árbitros assistentes adicionais serão Eduardo Tomas de Aquino Valadão (GO – CBF) (Campeonato Brasileiro 2016 – 8° rodada – Fluminense (RJ) 1×0 Corinthians (quarto árbitro), Copa do Brasil 2016 – Quinta Fase – Quartas de Final (IDA) – Corinthians 2×1 Cruzeiro (MG) (árbitro), Quartas de Final (volta) – Cruzeiro (MG) x Corinthians (quarto árbitro)            Brasileiro 2013 – Goiás (GO) 1×1 Corinthians (arbitro assistente adicional1), Corinthians 2×0 Grêmio (RS) (árbitro assistente adicional1), Brasileiro 2013 – Vasco (RJ) 1×1 Corinthians (quarto árbitro assistente adicional1)), Corinthians 2×0 Bahia (BA) (arbitro assistente adicional1), Corinthians 1×0 Criciúma (SC) (árbitro assistente adicional1)) e Breno Vieira Souza (GO – CBF)

No jogo entre Corinthians 3×0 Ponte Preta, válido pela 3° rodada do Campeonato Brasileiro de 2016 não marcou um pênalti claro em cima de Marquinhos Gabriel

No jogo entre Atlético (MG) 2×1 Corinthians jogo válido pela 10° rodada do Campeonato Brasileiro, deixou de marcar impedimento na jogada do primeiro gol do atlético

Sport Club Corinthians Paulista, clube fundado dia 1° de setembro de 1910 por Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira, Rafael Perrone, Anselmo Correa e Carlos Silva, sob a luz de um lampião, às 20h30 (08pm30), com mais oito pessoas que contribuíram com 20 mil réis, foi 27 vezes campeão paulista, 5 vezes campeão do torneio Rio-São Paulo, 3 vezes campeão da Copa do Brasil, 6 vezes campeão Brasileiro, Campeão da Recopa, Campeão da Libertadores, Bi Campeão do mundo, é presidido pelo Sr. Roberto de Andrade, manda seus jogos, no estádio mais lindo, mais moderno, o templo do futebol mundial, a meca da bola, a ARENA CORINTHIANS,

estádio este, localizado na coordenadas 23° 32′ 44″ S, 46° 28′ 30″ W, na região de Itaquera, entregue dia 15 de abril de 2014, que teve Roberto Rivelino como autor do primeiro gol, com capacidade de 48.000 pessoas (69.160 para a Copa do Mundo de 2014), possui gramado de dimensões de 105×68, tem como proprietário, administrado e mandante o Corinthians,vai fazer seu primeiro jogo no Campeonato Brasileiro e   deverá ir a campo com a seguinte formação: Cassio; Fagner, Balbuena, Pablo e Arana; Gabriel; Romero, Jadson, Rodriguinho e Maycon; Jô e com o  professor Fábio Carrille no banco de suplentes.

Associação Chapecoense de Futebol, clube fundado dia 10 de maio de 1973, na loja de confecção de Heitor Pasqualotto, localizada na Avenida Getúlio Vargas,  Heitor Pasqualotto, Alvadir Pelisser e Altair Zanella, torcedores do Independente, e Lorário Immich e Vicente Delai, torcedores do Atlético Chapecó, resolvem propor a fusão dos dois antigos clubes e assim nasceu a Associação Chapecoense de Futebol.
O time então conquistou o primeiro campeonato em 1977 ganhando o Campeonato Catarinense de Futebol. Voltou a conquista-lo em 1996 e por mais duas vezes em 2007 e 2011.
Depois do titulo em 1996 e em 2003  por causa de dívidas irresgatáveis, a Associação Chapecoense de Futebol passou a chamar-se Associação Chapecoense Kindermann/Mastervet. O clube usou um velho artifício, amparado pela legislação brasileira, de mudança de personalidade jurídica. Preservou-se a identidade do futebol como produto mercadológico. Além disso, o “novo clube”   livrou-se das dívidas monstruosas acumuladas ao longo dos anos. A parceria durou só até 2004, mas foi a base para o ressurgimento da Chapecoense no cenário estadual e contribui para falir de vez o Kindermann.
Atualmente, o time é presidido por Plínio David De Nes Filho tem como mascote um Índio e as alcunhas de Verdão, furacão do Oeste e Chape, manda seus jogos na Arená Condá, estádio este construido em 2008 sendo inaugurado dia 1° de fevereiro de 2009 no jogo entre Chapecoense 4×1 Brusque, pelo Campeonato Catarinense de 2009, teve o seu primeiro gol marcado por Nenem, possui capacidade para 22.600 pessoas  “e de acordo com o Corpo de Bombeiros de Chapecó, hoje a capacidade de público da Arena Condá é 12.517 pessoas sentadas“, grama natural de 105×68, pertence a Prefeitura de Chapecó e é administrado pela Associação Chapecoense de Futebol que também é a mandante dos jogos, subiu em 2013 para a 1° divisão do Campeonato de 2013, vai fazer seu primeiro jogo no campeonato brasileiro de 2017 e é treinado por Wagner Mancini que deverá mandar a campo a seguinte escalação: Jandrei, Apodi, Victor Ramos, Luiz Otávio e Reinaldo; Girotto, Luiz Antonio e João Pedro; Arthur, WP e Rossi

%d blogueiros gostam disto: